Meta de Leitura + Wishlist / Junho
06.06.2018

Voltei, como prometido para mostrar as minhas ambições de junho rs. To bem animada com os títulos! Escolhi nacionais, livros em inglês e até com temática LGBT. Bora ver?

Metas

Supernormal – Neschling, Pedro Henrique

Paralela – 200 páginas

Meta: (Lido) 01/06 -02/06

Sinopse aqui.

Foi o primeiro livro do mês! Li em dois diazinhos, gostei bastante e coloquei a resenha no insta.

 

Em Pedaços – Layne, Lauren

Paralela – 248 páginas

Meta: 03/06 – 09/06

Sinopse aqui.

Eu tô doida pra ler esse livro, tem tanto quote lindo que já estou apaixonada antes mesmo de começar.

 

Sol Em Júpiter – Salgado, Lola

Harlequin – 256 páginas

Meta: 10/06 – 16/06

Sinopse aqui.

Acabei de notar que minha lista de leituras tem bastante nacional. E descobri que a Lola tem outros livros, então se eu gostar desse, já sabe…

 

Uma História de Verão – Gonçalves, Pam

Galera Record – 304 páginas

Meta: 17/06 – 23/06

Sinopse aqui.

Outro nacional! Estou animada pra ler esse livro da Pam mais por curiosidade em ver como é a escrita dela. Mas olha que capa linda!

 

As Cartas Que Escrevemos – Cherry, Brittainy C.

Record – 73 páginas

Meta: 17/06 – 23/06)

Sinopse aqui.

Esse curtinho é apenas um conto da minha escritora favorita da vida ♥

 

Wishlist

No Ritmo do Amor

Lançamento: 11/06

Eu li esse livro em inglês. Ele é muito lindo, meu Deus!

 

Disgrace

Lançamento: 28/06

Já é o terceiro livro da minha rainha que aparece nesse post. Tô ansiosa? Demais.

 

Ele

Lançamento: 29/06

Adoro a Elle Kennedy e nunca li um romance LGBT, então tô bem curiosa.

 

É isso, pessoal! Espero que tenham gostado e que acompanhem as resenhas aqui <3

Beijos e até a próxima!

Bullet Journal: Junho
01.06.2018

Oi gente, to quase me despedindo desse planner <3 vou usá-lo exatamente por sete meses, mas já tô nas vibes de dar adeus. Gostei bastante do set up de junho porque senti que realmente só tem coisas necessárias.

Capa

O desenho da capa já tinha sido feito anteriormente, mas resolvi repetir, dessa vez usando tons de azul… Não gostei muito do resultado final, mas faz parte. Coloquei minhas metas do mês também:

♥ economizar;

♥ fazer exercícios;

♥ escrever;

♥ planejar próximo bujo.

 

Finanças

Esse mês ficou bem claro que preciso colocar minha vida financeira nos eixos. A primeira folha eu usei para a parte de compras em duas colunas: Preciso e Desejo, acho que vai me fazer visualizar melhor a minha dinâmica de gastos.

Embaixo coloquei a parte de presentes porque sério, ô pessoinha pra ter amigos aniversariantes… Sempre acabo gastando demais porque não planejo bem essa parte.

Depois fiz uma parte de controle de finanças com as entradas, despesas fixas, despesas diversas, cartão de crédito e poupança.

 

Foco

Essa parte de foco são metas mais elaboradas em cinco áreas: financeira, espiritual, mental, físico e relacionamento. E também estão relacionadas ao miracle morning.

 

Lettering

Esse lettering eu copiei da @thegraytergood tô muito viciada no feed dela, pois ela escreve frases engraçadíssimas. Nessa, por exemplo: Meu truque de festa favorito é não aparecer.

 

Calendário

Sabe o que é amar um calendário? Pois é… Minha gente, como não tenho muitos compromissos durante o mês, vou usar pra duas coisas, além do básico: anotar posts do blog e fazer um cronograma de leitura. Acho que depois volto pra falar melhor sobre isso.

 

Semana

Minha primeira semana <3 Fiz os compromissos a lápis e fiz um habit tracker semanal. Pena que molhou ali onde escrevi meu lettering da semana: minha memória de infância favorita é não ter que pagar boletos.

Materiais Usados

Planner Pink&Stone Ótima Gráfica

Tombow 555

Pitt Pen 247

Micron 0.3

Washitapes que roubei da Bárbara e são lindíssimas <3

 

Espero que tenham gostado. Beijos e até a próxima!

Clube do Livro #2: Passarinha
28.05.2018

Aconteceu o segundo encontro do clube do livro! E foi tão ou mais divertido que o primeiro, dessa vez improvisamos um jantar mexicano.

O título escolhido foi Passarinha por causa do Dia Mundial de Conscientização do Autismo que foi comemorado dia 2 de abril.

Sinopse

No mundo de Caitlin, tudo é preto e branco. Qualquer coisa entre um e outro dá uma baita sensação de recreio no estômago e a obriga a fazer bicho de pelúcia. É isso que seu irmão, Devon, sempre tentou explicar às pessoas. Mas agora, depois do dia em que a vida desmoronou, seu pai, devastado, chora muito sem saber ao certo como lidar com isso. Ela quer ajudar o pai – a si mesma e todos a sua volta -, mas, sendo uma menina de dez anos de idade, autista, portadora da Síndrome de Asperger, ela não sabe como captar o sentido.

Caitlin, que não gosta de olhar para a pessoa nem que invadam seu espaço pessoal, se volta, então, para os livros e dicionários, que considera fáceis por estarem repletos de fatos, preto no branco. Após ler a definição da palavra desfecho, tem certeza de que é exatamente disso que ela e seu pai precisam. E Caitlin está determinada a consegui-lo. Seguindo o conselho do irmão, ela decide trabalhar nisso, o que a leva a descobrir que nem tudo é realmente preto e branco, afinal, o mundo é cheio de cores, confuso mas belo.

Um livro sobre compreender uns aos outros, repleto de empatia, com um desfecho comovente e encantador que levará o leitor às lágrimas e dará aos jovens um precioso vislumbre do mundo todo especial dessa menina extraordinária.

Nossas Opiniões:

Bárbara

Passarinha é o tipo de livro que faz você refletir a pessoa que você é e que deseja ser. O mundo pelos olhos de uma criança portadora da Síndrome de Asperger diante de uma situação de luto associado a tragédia que envolve esse luto, deixa a história com uma sensibilidade sem tamanho.

As reações de Caitlin a situações cotidianos nos faz entender que viver em sociedade é algo desafiador e que definitivamente, exige muita empatia e sensibilidade para com outro.

 

Fernanda

É inegável o apelo emocional do livro, Caitlin é carismática e difícil de não gostar. Sua visão do mundo e opiniões são muito peculiares por causa do Aspenger.

Acompanhar a visão dela em relação a tragédia que atinge sua família e observar seu crescimento e desenvolvimento em sua jornada em busca de um desfecho é realmente incrível e foi emocionante. Não era o tipo de livro que eu escolheria sozinha e foi uma experiência diferente.

A história é agridoce em todos os seus momentos e faz qualquer um rir ou chorar com algumas páginas de diferença, ou na mesma página. Recomendo.

 

Sara

Sensibilidade, empatia e belas metáforas. Esses são os vocábulos que nos enchem os olhos ao ler Passarinha, este se mostra uma bela dança sobre a superação de um luto por uma filha e seu pai, filha esta portadora de Síndrome de Asperger.

O livro mostra de forma delicada e sensitiva como se sente e enxerga o mundo Caitlin, ele nos transmite para o mundo de sua mente, cheia de intensidade e profundidade.

Um livro preenchido de lições para ficar na memória, que não arromba a porta mas que convida para uma suave melodia, esse é Passarinha.

 

Foi incrível e teve participações especiais haha e já temos data marcada para o próximo <3

Beijinhos e até a próxima!

Meta de Leitura + Wishlist
23.05.2018

Faz séculos que eu não faço um post assim e não sei porque, pois acabei de divertir bastante escrevendo e de quebra me sinto mais motivada a ler, acho que vai voltar com tudo, hem?

Metas

Fahrenheit 451 – Bradbury, Ray

Biblioteca Azul – 216 páginas

Meta: 13/05 – 19/05

Sinopse aqui.

Esse foi o livro escolhido para o mês de maio no clube do livro. Comecei com bastante desinteresse, confesso, mas logo nas primeiras páginas fui conquistada.

 

Infinito + Um – Harmon, Amy

Verus – 336 páginas

Meta: 20/05 – 26/05

Sinopse aqui.

Eu já até comecei, mas parei pra dar um pouquinho de atenção pro Fahrenheit 451. Estava atras de uma leitura que me fizesse suspirar e como já tinha lido outro livro dessa escritora e esse tava há bastante tempo na estante, achei tudo ótimo.

 

Sol em Júpiter Salgado, Lola

Harlequim -256 páginas

Meta: 27/05 – 02/06

Sinopse aqui.

Não sei nem explicar a sintonia que senti por esse livro. To super ansiosa pra ler esse nacional.

 

Wishlist

Garota Ranho – O’Malley, Bryan Lee; Hung, Leslie, Quinn, Mickey

Quadrinhos na Cia. – 136 páginas

Sinopse aqui.

Supernormal – Neschling, Pedro Henrique

Paralela – 200 páginas

Sinopse aqui.

 

Em Pedaços – Layne, Lauren

Paralela – 176 páginas

Lançamento: 28/05

Sinopse aqui.

 

Ensaio | Desafio das Amigas
19.05.2018

Oi pessoal!

Mês passado eu fotografei um grupo de mulheres muito animadas e ativas. As meninas do grupo desafio das amigas mostraram que não brincam em serviço quando o assunto é autoestima.

Depois de participarem do desafio de uma marca de suplementação alimentar, elas quiseram levar adiante e se uniram para continuar mantendo uma rotina saudável, trocando dicas e ensinamentos sobre atividades físicas e alimentação balanceada

As fotos:

 

Participantes

Alline Basilio, 31 anos

Andreia Gomes, 31 anos

Bruna Barcelos, 31 anos

Geralda Beltram, 48 anos

Irinalva Bezerra, 44 anos

Ruth Ribeiro, 35 anos

 

Legal, né? Espero que vocês tenham gostado!

Beijos e até a próxima.

Um De Nós Está Mentindo
16.05.2018

Um De Nós Está Mentindo – Fazia tempo que eu andava querendo ler um mistério juvenil no estilo Mentirosos. A editora fez bastante alvoroço em torno do lançamento de Um De nós Está Mentindo e no instagram não se falava em outra coisa, afinal quem não se interessaria pela história de cinco jovens, seus segredos e uma morte dramática?

Antes de explicar melhor e da minha opinião, gostaria de dar alguns conselhos:

  1. Não pesquise esse título na internet, tá cheio de spoilers (sou fã de spoiler, mas nesse caso não tem graça.);
  2. Se você não gosta de clichês, foge;
  3. Há muitas comparações com o seriado Riverdale. Se você gosta, esse é o seu momento.

Há coisas que são impossíveis de serem desfeitas, não importa o tamanho das boas intenções.

A História

Cinco alunos entram na sala de detenção da escola, todos os protagonistas são clichês: Bronwyn, a nerd; Nate, o rebelde; Cooper, o atleta; Addy, a beldade e Simon, o fofoqueiro. Já no inicio da detenção tudo parece estranho e logo em seguida Simon morre de uma maneira super esquisita fazendo com que os quatro colegas se tornem os principais suspeitos. Apesar das diferenças, todos eles tem algo em comum: segredos que seriam revelados por Simon no dia seguinte a sua morte repentina.

A morte misteriosa de um estudante do ensino médio. Quatro colegas de turma com segredos. Quando a polícia não chega a lugar algum, o que virá a seguir? – página 193

Enquanto as investigações correm e os quatro alunos tentam entender o que aconteceu, seus segredos começam a ser revelados, criando uma nuvem de mistério e incerteza em relação a tudo, mas a principal pergunta é: Quem Matou Simon?

Minha Opinião

Gostei bastante de todos os personagens, mas o meu favorito sem dúvida nenhuma é o Cooper. Amei o o fato de a escritora ter explorado muito bem todos os pontos de vista e as particularidades de cada personagem sem deixar o livro longo, confuso ou chato.

Algumas pessoas são tóxicas demais para viver. Simplesmente são. – página 103

Demorei um tempo para saber quantas estrelas dar, mas cinco estrelas me parece correto porque 1) eu sabia onde estava me metendo, 2) sabia que por causa do alvoroço da internet eu colocaria muitas expectativas que não se supririam.

Li rapidinho e apesar de ter gostado do desfecho, no final acabei achando umas coisas bobinhas e senti que a escritora quis incluir uns personagens e motivos nada a ver, mas ok, não estragou a experiencia.

Um De Nós Está Mentindo

Autor: Karen M. McManus

Ano: 2018

Número de Páginas: 384

Editora: Galera Record

Minha nota: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

Ensaio Masculino | Ricardo Rodrigues
13.05.2018

Ensaio Masculino – Pessoal <3 Não gosto muito de fazer ensaios com pessoas, prefiro montar cenários. Mas estou decidida a começar fuçar pra sair da minha zona de conforto.

Meu modelo foi o Ricardo, ele trabalha comigo e eu me identifico com ele em vários aspectos. O acho super espontâneo e fotogênico, além de ser aberto a ideias e poses e ter esse visual tumblr boy incrível. Solteiro, manas.

Nós fomos na Praça dos Girassóis aqui em Palmas, depois no Parque Cesamar e foi muito divertido, apesar do calor. Mas é isso, espero que vocês nos amem haha.  Foi nesse mesmíssimo dia que tiramos essas fotos aqui.

As Fotos

Mais Que Amigos
11.05.2018

Oi gente! Estava morrendo de saudades de ler uma coisinha gostosa, sem grandes pretensões, sabe? Dei quatro estrelas porque estava muito ciente de onde estava me metendo. Mais Que Amigos é um clichê de primeira, mas nem por isso deixou de ser divertido.

“E se o cara certo… estiver bem na minha cara?” pág. 70

Ben é mulherengo e se orgulha bastante disso, ele é o oposto da sua melhor amiga Parker, que namora há um bom tempo. Parker e Ben batem no peito ao dizer que são só bons amigos e nada mais, eles até dividem o mesmo apartamento, brigam por causa das toalhas e fazem compras juntos na Ikea. Tudo muda quando Parker fica solteira e resolve que nada melhor do que seu melhor amigo para ajudá-la a superar esse fim.

“Ben e eu em uma relação de desapego? Pois é. O apego decidiu dar as caras. E estou totalmente à mercê dele.” pág. 130

Ben é o típico machista de New Aldut, me irritei muito com algumas atitudes dele. E Parker é a típica mocinha sonsa, não senti muita atração por eles como pessoas separadas, mas formaram um casal fofo. Esse não foi o motivo que me levou a tirar a estrelinha da vitória suprema, eu só achei que a autora podia ter trabalhado um tiquinho mais as fragilidades do Ben antes de criar o conflito.

“Química é como todo o resto na vida. Quanto mais você procura, mais difícil fica encontrar.” pág. 69

Por falar em conflito, essa é sempre a minha parte favorita dos livros, infelizmente está sempre no final rs, mas eu amei demais essa parte específica. Sobre a capa adorei as cores, o casal da fotografia não retrata muito bem os personagens, mas acabei gostando mesmo assim.

“Quando encostei em você… eu desmoronei.” pág.212

Recomendo, é uma leitura delicinha e super rápida.

 

Mais Que Amigos

Autor: Lauren Layne

Ano: 2018

Número de Páginas: 256

Editora: Paralela

Minha nota: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

Bullet Journal // Maio
08.05.2018

Bullet Journal Maio – Olha ela atrasada como sempre, mas o importante é chegar. Achei meu mês de maio tão gostosinho, aconchegante e estou amando mexer com cores que normalmente não mexo… Quem diria que marrom poderia me causar tanta paz de espírito?

Lettering

Esse mês eu simplifiquei bastante meu bullet journal porque tava precisando de uma coisa simples na vida, me inspirei no mês de outubro da Amanda Rach Lee. Cheio de folhas e quentinho no coração.

MoodBoard

O óculos do moodboard é igual o meu 🙂 No começo eu tinha odiado as colagens porque imprimi as fotos muito grandes, mas agora já acho que é meu favorito.

Notepad

Minha homenagem pro dia das mães saiu diretamente de Meninas Malvadas, o design é da @thegraytergood <3 Eu amei essas colagens de papel kraft, to usando pra anotar coisinhas.

Semana

Eu adorei essa semana de papel kraft, washi tape e caneta branca<3 Que combinação fofa!

A caneta branca é posca e ela se dá muito bem com esse tipo de papel, não gostei de usar em outras coisas, para fazer detalhes em cima da caneta Tombow, por exemplo.

É isso, adorei esse formatinho <3 Beijos e até a próxima.

O Verão Que Mudou Minha Vida
18.04.2018

Eu tenho esse livro há tento tempo! Vivia enrolando até que resolvi encarar a fera…

Belly, sua mãe e seu irmão mais velho Steven, passam todos os verões com Susannah e seus dois filhos: Conrad e Jeremiah. Jeremiah é o mais novo, um menino doce e divertido, ao contrário do mais velho Conrad que é calado e misterioso e também o responsável por fazer o coração de Belly bater mais forte, mesmo que a reciproca não seja verdadeira.

Belly faz  o melhor que pode para mascarar seus sentimentos ao ficar com o carismático Cameron… Mas é ai que alguns sinais dos sentimentos de Conrad começam a aparecer.

 

Minha Opinião

O Verão Que Mudou Minha Vida é o primeiro de uma trilogia que, infelizmente, não vou continuar. Pensa numa protagonista insuportável e multiplica por dois. Belly é mimada, infantil e sinceramente não entendo como alguém se apaixonaria por alguém tão imatura.

A história é rapidinha, não senti nenhuma emoção ou friozinho na barriga. É um monte de coisas acontecendo sem motivos, talvez a autora tenha deixado pra desenvolver melhor nos outros livros, mas eu jamais saberei.

A escritora ainda tentou criar um triangulo amoroso, mas até isso ficou pela metade… Recomendo só se você não tiver absolutamente nada melhor pra fazer ou se quiser só ler por ler mesmo, pois não acrescenta em nada.

 

O Verão Que Mudou Minha Vida

Autor: Jenny Han

Ano: 2011

Número de Páginas: 288

Editora: Galera Record

Minha nota:

 

@lumanunesblog