Antes das Cinco Arquivo para BRITTAINY C CHERRY - Antes das Cinco
Menu

Fala galera! Semana passada na resenha de The Silent Waters eu linkei a resenha de The Air He Breathes e só então me toquei de que nunca tinha resenhado o segundo livro da série que é The Fire Between High & Lo também conhecido como uma das melhores leituras desse ano. Decidi traduzir a sinopse pra vocês ficarem preparados pra quando lançar em português. Estão prontos?

Era uma vez um garoto, e eu o amava.

Logan Francis Silverstone e eu éramos completos opostos. Eu dançava, e ele permanecia parado. Ele era quieto e eu uma tagarela. Ele lutava contra um sorriso, e eu me recusava  a me deixar pra baixo.

Na noite em que eu vi a escuridão que verdadeiramente morava dentro dele, não pude mais me afastar.

Nós eramos quebrados juntos, mas de algum jeito ainda inteiros. Nós eramos errados juntos, mas era sempre certo. Nós eramos as estrelas queimando a noite no céu, buscando um desejo, rezando por um futuro melhor.

Até o dia em que eu o perdi. Ele nos afastou com uma decisão precipitada – uma decisão que nos mudou para sempre.

Era uma vez um garoto, e eu o amei.

E por algumas respirações, alguns sussurros, alguns momentos, eu acho que ele me amou também.

the fire between high & lo

Uma coisa que reparei enquanto pensava em escrever essa resenha é que os livros da Brittainy tem tudo pra te fazer chorar e mesmo assim, ela não permite que  a gente caia no choro hahaha.

Como visto na sinopse, Alyssa e Logan tem vidas diferentes. Ela vem de uma família rica, o pai é ausente e a mãe só se importa com as aparências. Ele é pobre, o pai traficante e abusivo e a mãe é viciada, mesmo caminho que Logan segue. O único que se salvou em sua casa é o irmão mais velho, Kellan.

Eles possuem um entrosamento bem diferente porque eu nunca imaginaria uma amizade saindo de duas pessoas tão diferentes, veja lá um romance, mas deu certo. Quando o romance finalmente engrena, um mal entendido acontece, e eles se afastam. Anos depois, Logan se vê forçado a conviver com Alyssa e é ai que as coisas voltam a andar.

the fire between high & lo

Li muitos relatos de pessoas que não entendiam as atitudes do Logan. Gente, mas se teve uma coisa que eu entendi nesse livro, foram suas atitudes. Pensa numa infância de merda! Ele tem todas as justificativas para ser desajustado. Depois vem o motivo que o leva a se afastar da Alyssa, pelo amor de Deus.

Um coisa que gostei é que a escritora não romantiza o fato de ele ser viciado, ela nem tentou fazer aquela vibe de que “o amor tudo muda, tudo constrói, me apaixonei por você e não vou mais usar drogas”. High é o apelido que Logan dá para Alyssa, porque ela é o maior barato dele. No começo eu me incomodei com esse “elogio”, mas no final tudo é explicado. CALMA!

Como essa é uma série que fala dos elementos, todos os fãs da escritora esperavam um romance tórrido, sensual, Mas Britainy tem o poder, né amores? Ela me deu um significado totalmente novo para fogo. O fogo que tudo queima, tudo consome e converte em algo novo.

the fire between high & lo

Resenha de The Air He Breathes aqui.

Resenha de The Silent Waters aqui.

Ficha do Livro

Título: The Fire Between High & Lo

Autor: Brittainy C Cherry

Editora: Amazon / Kindle

Número de páginas: 324 páginas

♥ Minha nota para o livro: 5 / 5 estrelas + favorito da vida.

Oi pessoal, quero começar essa resenha dizendo que esse é um livro que indico fortemente. The Silent Waters é o terceiro livro da série Elements, mas não é necessário ler os anteriores pois são histórias independentes (mas indico também). Eu amei essa história em todos os sentidos, mas sou suspeita para falar porque a Brittainy C Cherry é a minha escritora favorita. Não costumo escrever a sinopse aqui, mas resolvi traduzi-la para vocês entenderem a profundidade da história.

A resenha de The Air He Breathes, o primeiro livro da série, você encontra aqui. Esse título foi lançado em português, pelo grupo editorial record com o nome de O Ar Que Ele Respira.

the silent waters

Momentos.

Nossas vidas são uma coleção de momentos. Alguns extremamente dolorosos e cheios de dores do passado. Outros lindos , cheios de esperanças e promessas de um futuro bom.

Eu tive muitos momentos na minha vida, momentos que me mudaram, me desafiaram. Momentos que me assustaram e que me afogaram. Entretanto, os maiores – dos mais desoladores e aos mais empolgantes – todos incluíram ele.

Eu tinha dez anos quando perdi minha voz. Um pedaço de mim foi roubado, e a unica pessoa que podia verdadeiramente ouvir meu silêncio era Brooks Griffin. Ele foi minha luz durante os dias mais escuros, minha promessa de um amanhã, até uma tragédia encontrá-lo. Tragédia que eventualmente o afogou em um mar de memórias.

Essa é a história de um garoto e uma garota que amavam um ao outro, mas não amavam a si próprios. Uma história de vida e morte. De amor e promessas não cumpridas.

the silent waters

Em The Silent Waters, Maggie May conhece Brooks Griffin, o melhor amigo do seu meio-irmão,  quando ela tinha seis anos. Ela é uma criança cheia de vida, tagarela e se apaixona por Brooks à primeira vista.  Brooks, por outro lado não quer nem saber dela, porque meninos dessa idade querem qualquer coisa, menos contato com meninas hahaha.

Eu amei muito como a escritora trabalhou a primeira parte, a infância deles. Cheia de brincadeiras e arteirices.

Uma noite, Maggie presencia algo horrível, o trauma é tão grande que ela acaba perdendo a voz. Anos se passam sem que Maggie diga uma só palavra e sem que consiga sair de casa também, mas Brooks é uma presença constante, mesmo quando a família de Maggie demonstra fraqueza, Brooks escuta seu silêncio. E dessa amizade acaba surgindo um relacionamento maior… É de partir o coração.

the silent waters

A escrita da Brittainy é tão especial que não consigo transmitir em palavras o quão fundo ela consegue tocar meu coração com suas histórias. O único defeito que encontrei  nesse foi que achei a passagem de tempo muito longa, mas nem isso foi capaz de me desanimar.

É difícil não se identificar com Maggie, ela é uma leitora maravilhosa que vai de Harry Potter a John Green, e é delicada e doce, mas também muito sensível… E o Brooks, que coisa mais linda, mais honesta, mais doce! Ele é músico e a usa muito para saber lidar com Maggie.

Sinceramente, esse foi o melhor livro que li esse ano e não posso falar mais nadinha sem que eu me derreta por completo. Fecha a aba e vá procurar esse livro.

the silent waters

Ficha do Livro

Título: The Silent Waters

Autor: Brittainy C Cherry

Editora: Amazon / Kindle

Número de páginas: 316 páginas

♥ Minha nota para o livro: 5 / 5 estrelas + favorito da vida.

the air he breathes

Oi thutchucos.

Sou fã da Brittainy C. Cherry, não dá pra negar. Quando soube desse lançamento (que li em dezembro e por isso não faz parte do desafio), corri para o Kindle e pedi pra Nath comprar hahahaha (brigs migs)

The Air He Breathes já começa com a capa babadeira, olha esse omi mara, gente! Liz é uma batalhadora que cria sozinha a filhinha Emma depois que o esposo faleceu. Tristan também precisa lidar com uma grande perda, mas ele não lida tão bem quanto Liz parece lidar.

Em tradução literal o título é “O Ar Que Ele Respira” e é exatamente disso que se trata, duas pessoas que sofreram grandes perdas e que se veem obrigadas a aprender como respirar novamente. Para o Tristan é mais difícil, ele virou uma máquina, um sobrevivente… A Liz tem uma motivação: a pequena Emma.

the air he breathes

Os personagens são tão tragicamente quebrados que deu vontade de entrar no livro e juntar todo mundo em um abraço bem apertado e cheio de amor. De falar: Ei, parem! Eu amo tanto vocês.

Mas nem tudo é tristeza, tem partes bem divertidas, a maior parte delas protagonizada pela melhor amiga de Liz, Faye e pela Emma… E cenas quentes também, tão maravilhosamente sensíveis que até me senti invadindo a privacidade deles hahaha <3

the air he breathes

Ficha do Livro

Título: The Air He Breathes

Autor: Brittainy C Cherry

Ano da edição: 2015

Editora: BCherry Books

Número de páginas: 344 páginas

♥ Minha nota para o livro: 4 / 5 estrelas

 

BookCover The Space In Between

Já disse que a Brittainy C Cherry é uma das minhas escritoras favoritas? Não!? Pois é, Brittainy C Cherry é uma das minhas escritoras favoritas! Corri para comprar The Space in Between, depois de Loving Mr. Daniels ter se tornado meu Golden – meu livro favorito ever – e só consegui me apaixonar mais ainda pela narrativa da escritora.

Andrea Evans, é uma ex bailarina impossibilitada de continuar dançando por causa de um acidente que acabou matando seu noivo: Derrick. Depois de se mudar para New York exttremamente arrasada, ela percebe que nem tudo está perdido, ela ainda pode dançar em uma boate de striptease, certo?

E é lá que ela reencontra Cooper Davidson – seu vizinho de infância – um fotógrafo famoso que participou de um reality show e tenta de qualquer forma fugir dos holofotes agora que descobriu que sua esposa está grávida – de outro.

The Space in Between cover

Lindo no meu Kindle <3

 

Não sei se vocês reparam, mas a vida de ambos está uma droga, mas eles tentam de verdade se reerguer e passar por essa fase difícil.  The Space in Between é sobre isso: explorar o espaço entre o caos e a ordem.

Esse New Adult é delicado, triste – sem ser desmotivador  e simplesmente gracioso! A Brittainy consegue criar uma proximidade tão grande entre os personagens e o leitor que quando você vê já está apaixonado! Eu comprei a edição em inglês (porque só está disponível nesse idioma) através do Kindle e custou menos de R$ 10,00. Garanto que vale muito a pena.

Leiam, leiam e leiam! Leiam The Space in Between! Hahaha! Vocês vão amar, assim como eu amei <3

Beijinhos e até a próxima!


@blogantesdascinco