Antes das Cinco Arquivo para SÉRIE PUSHING THE LIMITS - Antes das Cinco
Menu

no limite da ousadia - header - antes das cinco

Qualquer semelhança com o último título resenhando não é mera coincidência hahahaha

Leia a resenha de No Limite da Atração aqui.

 

É o pássaro belo que é enjaulado.

 

É que No Limite da Ousadia faz parte da Série Pushing The Limits da escritora maravilhosa Katie McGarry e a bola da vez é a rebelde Beth.

No-Limite-da-Ousadia

 

Título: No Limite da Ousadia (Dare to You)

 Escritora: Katie McGarry

 Número de páginas: 420

 Gênero: New Adult

 Editora: Verus

 Minha Nota: ♥ ♥ ♥ ♥

 

Ô gente, eu lembro exatamente do dia em que comprei esse livro. Estava  enchendo meu carrinho na Saraiva até dar dois mil reais e quando me preparava para fechar o navegador (porque isso é tipo uma terapia pra mim) PÁ! No Limite da Ousadia pipocou na minha frente. Eu não fazia ideia que depois de No Limite da Atração ia haver outros livros, então foi uma surpresa agradável.

 

Eu – a poeta na minha mente quando estou chapada. [pág. 17]

 

Então galere, esse é o livro da melhor amiga do Noah: Beth.

Untitled design (5)

Como pudemos vislumbrar no primeiro livro da série, a Beth é uma garota… Complicada. Ela teve uma infância muito difícil e agora cuida da mãe drogada, até que para livrar a mãe de um crime, ela acaba sendo presa e seu caminho cruza com o do tio Scott.

 

Não estou interessado no segundo lugar. Nunca estive. Nunca vou estar. [pág. 9]

 

Enquanto a vida da Beth é uma confusão só, a do Ryan é praticamente um conto de fadas. Ele é um atleta em ascensão, filho de uma família perfeita. O problema é que Ryan é viciado em desafios e nunca aceita perder. E é em um desses desafio que ele encontra Beth.

Untitled design (4)

Well, só o fato de ter um Ryan já chamou minha atenção, porque eu sempre achei que a Beth fosse ficar com o Isaiah. Enfim, eu gostei de uma coisa sobre o livro: a troca de papéis, a história não segue do jeito como eu estava acostumada: uma mocinha e um bad boy.

 

Ouço risadas e respiro fundo quando percebo que é a minha… e a dele. Juntas. O som é legal. Parece música. [pág. 198]

 

A Beth é o que podemos chamar de bad girl (existe?) enquanto o Ryan é um doce de garoto. Só que ao passo que isso foi muito legal, também irritou um pouco. A rebeldia desmedida da Beth junto com sua teimosia foi enchendo o saco… E o fato de  Ryan ser o tempo todo perfeito também irritou.

Mas o Ryan tem uma questão pessoal que eu achei que  fez valer a pena toda a leitura.

Untitled design (7)

 

O livro tem umas citações bem bonitas e um ótimo final. Assim como No Limite da Atração, os capítulos foram intercalados entre Beth e Ryan – o que dá uma amplitude muito grande para a história. Só não me apaixonei pela Beth como achei que poderia me apaixonar, achei que demorou muito pra ela cair na real e senti falta de um fim, de verdade, pra ela e pro Isaiah. Fiquei chateada.

Pra quem tava com saudade do Noah e a da Echo, esse livro é um ótimo pretexto para reencontrá-los. E para quem ainda não leu No Limite da Atração, esse livro é uma ótima justificativa para ir atrás, pois as histórias se passam no mesmo universo, mas os personagens tem personalidades bem divergentes – ponto pra Katie McGarry!

A nota máxima não veio porque eu esperava um pouquinho mais, considerando que o primeiro livo da série foi perfeito! Espero que tenham curtido essa resenha.

Beijos e até a próxima!

no limite da atração  - header - antesdascinco.com

 

Para pessoas como a Echo e eu, a alma tinha mais cicatrizes do que vida. [pág 257]

 

Continuando o meu projeto de resenhar todos os lindões da minha estante, trouxe hoje No Limite da Atração. Impossível falar desse livro e não pensar na minha amiga Antônia (saudades, queridona!).

 

no limite da atração -  miniatura - antesdascinco.com

 

Título: No Limite da Atração (Pushing the Limits #1)

Escritora: Katie McGarry

Número de páginas: 384

Gênero: New Adult

Editora: Verus

Minha Nota: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

 

 

 Tenho medo de ficar e continuar olhando para trás, e nunca olhar para frente. [pág. 354]

 

No Limite da Atração é um livro sensacional. A Echo é uma garota cheia de mistérios. Um dia ela é a garota popular que namora o cara perfeito e tem amigas famosas na escola, no outro ela é uma garota fechada com cicatrizes horríveis nos braços e na alma e que não se lembra do que possa ter acontecido.

 

Tínhamos que ser perfeitos na terapia. Deus nos livre de aproveitar a oportunidade para discutir nossos problemas. [pág 15]

 

Ela fez terapia mas quase enlouqueceu quando forçaram sua mente a se lembrar do que aconteceu. O pai da Echo é autoritário e exigente, e se casou com a babá muito jovem  dos seus filhos. A garota precisa lidar com vários problemas: a perda do irmão que era seu melhor amigo, o abandono da mãe esquizofrênica, não ser mais uma das populares na escola, as terapias exaustivas, o fato de que todos sabem a verdade, menos ela e para completar a lista de problemas: Noah Hutchins.

 

no limite da atração - antesdascinco.com

 

Noah tinha músculos, boa aparência e confusão à volta. De alguma forma, ele fazia uma calça jeans e uma camiseta parecerem perigosas. [pág. 27]

 

O Noah é totalmente o oposto da Echo: rebelde e despreocupado com suas notas. Ele é tachado pelo sistema como mentalmente instável depois de agredir seu primeiro pai adotivo, desde então ele pula de lar em lar, até que se fixa em um, onde conhece seus verdadeiros amigos: Isaiah e Bethy.

 

Eu gostava da risada profunda dele. Ela me fazia sentir cócegas por dentro. [pág. 50]

 

Mas Noah também tem feridas, ele perdeu os pais em um terrível incêndio e foi separado dos irmãos pequenos. Tudo o que ele sonha é juntar sua família novamente e ele depende de uma pessoa para isso acontecer: Echo Emerson.

 

no limite da atração - antesdascinco.com

 

Confiar. Por que não me pede para fazer algo mais fácil, como provar a existência de Deus? Até Deus tinha desistido de mim. [pág. 70]

 

Gente, pra começar, eu adorei o nome dos personagens: Echo, Aires, Noah… – olha que maravilha! Me apaixonei por essa história porque é realmente bonita.

A nova psicóloga da escola acha uma boa ideia colocar duas pessoas fodidas mentalmente instáveis juntas, ela sugere que Echo dê aulas de monitoria para o Noah. O que a sra. Collins não imaginava é que depois de brigar feito cão e gato, os dois fossem se unir para tentar roubar seus respectivos arquivos.

 

Às vezes, quando a gente vê a fronteira, acha que é uma boa ideia ultrapassar, até que ultrapassa. [pág 72]

 

No arquivo da Echo está descrito tudo o que aconteceu e ela não consegue se lembrar da noite em que sua vida mudou completamente e no arquivo do Noah, as informação sobre os irmãos pequenos que moram com um casal que querem adotar os dois, tirando de Noah toda a esperança de reunir a família de novo.

 

no limite da atração - antesdascinco.com

 

O Luke costumava me dar a sensação de borboletas nos estomago. O Noah invocava pterodáilos mutantes. [pág. 85

 

Entre brigas e planos o inevitável acontece: eles se apaixonam. É uma grande história de luta, esse livro é maravilhoso. Os capítulos são intercalados entre Echo e Noah, o que dá uma dimensão gigantesca da estória, e no final tem uma playlist genial que te aproxima muito dos personagens e da escritora. Corre pra ler! Sério!

 

Toco seus lábios, e então percebo / Em seus olhos, amor, o brilho é tão forte / Estou despido de tudo, e louco por você…

Leia esse livro, mesmo que não curta o gênero. Juro que você não irá se arrepender!

Beijinhos e até a próxima!


@blogantesdascinco