Estranha Perfeição
29.09.2015

Estranha Perfeicao

Fala galera!

Hoje vamos continuar a falar sobre a série Rosemary Beach, mas não sobre a Sem Limites (amém?). Chegou a vez de contar a história do Woods – o herdeiro do country club Kerrington – aquele rapazinho que vivia dando em cima da Blaire em Paixão Sem Limites.

Gente, não é segredo que Abbi Glines não é minha escritora favorita, mas ela conseguiu ganhar uma estrelinha comigo. A indagação da capa é daquelas que te pegam pelo coração: Você abriria mão do seu futuro pela pessoa certa?

Estranha Perfeição

Em Estranha Perfeição, Woods é um jovem lindo, rico e noivo de Angelina Graystone. O casamento é arranjando entre as famílias e culminará na fusão de duas empresas, garantindo assim o seu futuro.

Já a Della é uma garota simples que só quer se libertar de um passado sombrio e traumático. Ela entra em um carro e sai em busca de uma aventura, mas principalmente de autoconhecimento. No meio dessa aventura ela para em Rosemary Beach

Eles se encontram no momento certo em que ambos precisão fugir da pressão. Ela quer esquecer seu passado e ele não pensar no futuro… Mas essa noite despretensiosa acaba por se tornar uma atração muito forte e que faz seus caminhos se cruzarem novamente.

Estranha Perfeição

Preciso confessar que me surpreendi muito com esse livro, mas isso ainda não significa que ele seja excelente… Preciso apontar que o machismo reina nessa série, mas se eu for reclamar de tudo, essa resenha não sai. O Woods não é o cara irritante que parecia ser na série Sem Limites, mas ele peca bastante no machismo. A história da Della é muito interessante, porém algumas atitudes dela me trouxeram certa estranheza.

No fundo, a história é mais do mesmo, mas fiquei feliz por ter visto uma micro evolução na escrita da Abbi… Ela continua abusando dos palavrões e extrapolando nas cenas de sexo, mas acho que era muita coisa pra ela processar de uma vez hahaha. Dei 5 estrelas por ser o melhor livro dela até agora.

 

Tudo Sobre O Livro

Título: Estranha Perfeição

Autor: Abbi Glines

Ano: 2014

Editora: Arqueiro

Número de páginas: 209 páginas

• Minha nota para o livro: 5/5

Rush Sem Limites
15.09.2015

Rush

Oi pessoas!  Eu poderia ser aquela pessoa chata que ia dizer: esse livro é o ó… Mas ai não teríamos uma resenha esplêndida… Por isso, aqui estou para falar sobre Rush Sem Limites.

Acho importante começar dizendo que esse livro NÃO é uma sequencia de Amor Sem Limites. Rush Sem Limites não é nada mais, nada menos que a versão de Rush Finlay para Paixão Sem Limites – totalmente narrado pela Blaire.

Quero avisar também que essa resenha pode ser ou não bastante tendenciosa, já que acho uma coisa muito inútil esse negócio de ponto de vista de um e de outro em livros separados. Mass here we go.

RUSH

O Rush costumava ser um bad boy, isso mesmo, costumava. Ele tinha tudo o que queria: mansão na praia, mulheres em sua cama e uma arrogância sem fim. Mas isso tudo parecia muito pequeno em vista do que ele julgava realmente ser importante, no caso, cuidar da meia irmã Nan e garantir que nada lhe machucasse.

A única pessoa capaz de tirar o seu sossego chega em Rosemary Beach: Blaire Wynn e seu rosto angelical. Rush possui um segredo e pra ele não vir a tona, ele precisa ficar longe da loira do Alabama…

Apesar de Blaire ser um doce de pessoa, Rush acha que ela só está ali para tomar o lugar e prejudicar a meia irmã. Ele sabe que precisa se manter longe por causa da misteriosa conexão entre as duas, mas o desejo fala mais alto.

RUSH

Deixando as hostilidades de lado, Rush Sem Limites é um livro que não acrescenta em absolutamente nada na série e que pode passar batido numa boa, levando em conta que é EXATAMENTE a mesma história de Paixão Sem Limites, fiquei até meio WTF? porque esse estilo de livro costuma acrescentar alguma informação, e não foi o que aconteceu aqui. Fiquei frustrada 🙁

Vocês já leram? Tiveram a mesma impressão?

Beijinhos e até a próxima!

After – Depois da Verdade
09.09.2015

AFTER

Olaaaaar,  meu povo! Cá estou novamente chamando a todos para uma oração fervorosa, por motivos de: não estou sabendo lidar com esses livros! Depois de ler After e quase morrer do coração, não pensei duas vezes e investi em After – Depois da Verdade e sem orr me ajuda!

Minha vida antes dele era bem simples e definida. Agora… depois dele… é só… o depois.

Como diz a própria sinopse, depois de um começo tumultuado, vulgo abusivo, a Tessa resolve ser uma pessoa minimamente sensata, mas como todos podem imaginar, a coisa toda não dura muito, mas isso não vem ao caso. Eles voltam a rotina louca deles, maaaas óbvio que o Hardin tem que cagar estragar tudo de novo. A Tessa acaba descobrindo umas coisinhas bem tensas sobre o passado dele e ai parece que só o amô não vai ser suficiente pra segurar a barra.

 

AFTER

Meu sentimentos por esses livros, como todos bem sabem, são bastante complexos, porque o Hardin é muito abusivo e embora a Tessa tenha mostrado sinais de amadurecimento ainda é difícil entender como ela pode se submeter a tanta merda. Pelo menos, conhecemos um pouco mais sobre o Hardin o que clareia muita coisa na história e na nossa mente.

Sou apaixonado por Tessa. Em meio a todo o caos que causei, encontrei o amor.

O que aconteceu com ele não justifica seus atos, mas pelo menos humaniza um pouco… O problema talvez seja que eu não esteja tão acostumada com bad boys de verdade, Travis Maddox é praticamente uma mocinha comparado ao Hardin, que é um Bad Boy com B maiúsculo.

 

AFTER

O livro continua naquele esquema acelerado, com a sensação básica de déjà vu infinito: briga, pazes, briga pazes, briga… Por incrível que pareça isso faz com que a leitura flua bastante, mas também faz com que o livro seja mais do mesmo.

Só porque Hardin não te ama do mesmo jeito que você quer, não significa que ele não te ama com todas as forças.

Uma coisa que está me fazendo refletir bastante é que os livros da série (e outros livros) talvez devessem vir com uma classificação indicativa, pois o vocabulário e algumas partes são bem pesadas. O conselho que dou é: se você não está querendo enlouquecer / se viciar em uma coisa muito louca é melhor deixar essa série de lado. Sei que estou sendo bipolar aqui, mas é essa a sensação! haha

Beijinhos e até a próxima!

 

Proibido
07.09.2015

IMG_2297

Seja lá qual for o motivo de você estar lendo essa linha, você não vai desistir de ler essa resenha. Sério. Proibido foi eleito por mim a melhor leitura de 2015. Li outras resenhas para poder me inspirar um pouco, afinal não é nada fácil falar de um livro que a gente gosta muito… Fico com a sensação de não fazer justiça. Mas vamos lá.

Como uma coisa tão errada pode parecer tão certa?

Logo na capa nos deparamos com essa indagação, confesso que já tinha visto Proibido na livraria umas mil vezes, mas nunca tinha me chamado atenção, até que alguém no grupo de leitura (acho que foi a Gabs) ♥ começou falar sobre e eu fiquei louca na roupa. Tive o prazer  de ler esse livro junto com a Bea do Na Sua Estante, o que tornou a experiencia muito mais divertida (vamos repetir, chuchu!)

IMG_2306

O que me chamou atenção no livro, foi o fato de se tratar de um assunto até então pouco explorado (pelo menos no meu ponto de vista): o incesto entre irmãos.

Lochan e Maya são os filhos mais velhos de uma família completamente desestruturada, eles cuidam dos três irmãos mais novos, enquanto a mãe passa a maior parte do tempo na casa do namorado e o pai os abandonou. Quando eu digo “cuidar” quero dizer que eles criam essas crianças: os acordam de manhã, preparam o café, levam pra escola, buscam, fazem o jantar, ajudam com os deveres… Toda uma rotina que uma casa com crianças tem e ainda precisam lidar com a própria escola e notas.

Por que é  tão diferente com Lochan? A resposta é muito simples porque Lochan nunca se pareceu com um irmão. Nem um caçula chato, nem um irmão mais velho mandão. Ele e eu sempre nos relacionamos  de igual para igual. Fomos os melhores amigos um do outro desde que nos entendemos por gente. Compartilhamos um vínculo mais estreito que a amizade a vida inteira. Juntos criamos Kit, Tiffin e Willa. Juntos choramos  e confortamos um ao outro. Juntos vimos um ao outro  nos momentos mais vulneráveis. Carregamos um fado inexplicável aos olhos do mundo. Demos força um ao outro – como amigos, como parceiros. Sempre nos amamos, e agora queremos poder nos amar  fisicamente também. 

O Lochan *suspiro* é um menino ótimo. Dentro de casa ele é um super “pai”, participativo e carinho, já fora dela as coisas não são tão simples, apesar de sua inteligencia, ele é um garoto tímido e introspectivo que não consegue falar com ninguém. O Lochan é doce, a alma dele é tão linda! Com certeza um dos personagens mais sensatos que eu já li.

IMG_2305

A Maya é uma guerreirona, ela é um pouquinho mais nova que o Lochan, mas não menos responsável com as coisas de casa e escola. Ela é a calma de Lochan e a voz apaziguadora dentro de casa.

Nunca antes imaginei minha vida sem ele; como essa casa, ele é o meu único ponto de referência em meio a uma existência difícil, em meio a um mundo instável e assustador.

A escrita do livro é muito poética e simplesmente adorável. A principio eles não se dão conta de que são apaixonados um pelo outro e eu achei que quando chegasse a essa parte eu fosse estranhar, mas não, eu me apaixonei junto com eles, parece estranho falar assim, mas é que a história é tão profunda e envolvente que eu gostaria de ficar nela para  sempre.

IMG_2307

Ache que talvez a Tabitha pudesse trabalhar melhor a transição de irmão para amantes, mas a história compensou tanto que esse detalhe passou batido.

É difícil entender por que alguém entra num relacionamento sem qualquer sentimento verdadeiro, substancial, e no entanto ninguém os julga por isso.

Leiam, leiam, LEIAM! Muito incrível e gostoso! <3

Beijinhos e até a próxima!

Amor Sem Limites
01.09.2015

amor

Oi chuchus!

Amor Sem Limites é o desfecho da história entre Rush e Blaire (sdds), os pombinhos que conhecemos primeiramente em Paixão Sem Limites.

Por dois livros, vimos a Blaire passar por vários momentos ruins em sua vida e ir superando esses obstáculos, conhecer o Rush e se adaptar a um novo estilo de vida. Enquanto Rush passou de playboy mimado e promiscuo para amante fiel e generoso. Agora chegou a hora de nos despedirmos e acho que finalmente me rendi ao amor dos pombinhos.

 

IMG_2313

No último livro da série, tudo começa perfeito. Blaire e Rush juntos, esperando um baby… Só alegria. Porém, Rush ainda tem aqueles probleminhas com a família e Nan ataca novamente, fazendo com que Rush mais uma vez ceda aos seus caprichos (ô ódio)… Palmas para Blaire que conseguiu se impor é mostrar que juntos eles são mais fortes!

 

IMG_2309

A Abbi deu uma maneirada na linguagem (obrigada, Deus!) e ao ler esse livro e outros dois da série, percebe-se que a escrita dela evoluiu e muito! Prepare-se para se derreter em uma cena muito fofa do Rush papai… aaawwwwn!

Pra mim, Amor Sem Limites compensou todo o resto <3 Muito adorável!

Beijos e até a próxima!

 

After
21.08.2015

AFTER

Oi gente! Vamos começar essa resenha fazendo uma corrente de oração porque eu não estou conseguindo lidar… Já tem dez dias que o navegador está aberto nessa resenha e eu não sei por onde começar, mas vai dar certo…

Então, vamos lá. After é baseado em uma fanfic de One Direction, a Imaginator1d que ficou super famosa no Wattpad. No livro, Tessa é uma garota toda certinha que usa saias cumpridas e faz tudo o que a mãe manda. Ela é namorada de Noah há bastante tempo e está indo para faculdade, onde pela primeira vez, vai passar um tempinho longe do namorado.

 

Uma vez você me disse que eu desperto o que existe de pior em você. Bom, você desperta o que há de melhor em mim.

 

Já no primeiro dia em sua nova rotina, uma luz vermelha acende em sua cabeça quando ela conhece sua colega de quarto Steph e seus amigos tatuados e com piercings. Hardin é um dos melhores amigos de Steph e tudo o que Tessa mais abomina. Arrogante e pretensioso, ele faz de tudo para irritar a garota, mas o jogo pode virar e tudo pode acontecer…

Untitled design (3)

Nunca fui de ler fanfics, mas me interessei bastante por se tratar de 1D – que eu não conhecia direito até então, mas sabia quem era o Harry Styles (♥), cantor que inspirou Hardin. Demorei um pouco para me ambientar no estilo da escrita, mas segurei na mão de Deus e fui, do meio pro final, a coisa toda fluiu muito bem.

 

Um sujeito indecente, bêbado e terrível acabou de dizer que precisa de mim, e por algum motivo isso soa como poesia aos meus ouvidos.

 

Os capítulos são bem curtinhos e isso com certeza favoreceu o andamento na leitura. Eu fiquei bem cansada no começo com tantas brigas e reconciliações, pois isso fez com que o livro ficasse bem agitado. Não considerei uma história romântica porque o relacionamento deles é bem abusivo, o Hardin tem problemas sérios e acho que a Tessa não é a pessoa mais indicada para lidar com isso, pois ela é toda ingenua, porém comecei gostar das atitudes dela no final, já que ela parou de ser fresca e meio que bateu o pé para as manias do Hardin.

Untitled design (4)

O Hardin não me cativou em nenhum momento, ele é cruel, mimado e bem maluquinho. Claro que às vezes ele conseguia ser carinhoso e cuidadoso, mas praticamente passou batido.

 

Se você não ama a pessoa, ela não pode te causar dor. Hardin sempre me decepciona, mesmo quando penso que não tem como me decepcionar mais. E eu amo ele. Amo Hardin.

 

Algumas coisas me incomodaram no enredo, como a constante mudança no nome da Tessa, que também era chamada de Tess e Theresa e como a história é longa, isso foi me dando nos nervos (olá, TOC). Outra coisa que me deixou meio WFT? é que achei o início bem cansativo, em algumas parte a sensação de dèja vu me pegava forte e eu ficava achando que já tinha lido aquela parte :/

Eu gostei, achei meio bobinho, mas o final compensou TUDO! MEU DEUS! QUE FINAL É ESSE!? ME SEGURA.

 

Como uma pessoa consegue ser tão forte, mas também tão fraca?

 

Portanto, não desanime logo de cara, dê uma chance e te garanto que você vai querer ler o segundo! Vou dar 4 estrelas (de 5)… Mas com um pezinho atras porque sou dessas.

AFTER_1429465016411263SK1429465016B

 

 

Título: After

Número de páginas: 616

Editora: Paralela

Continua com: After – Depois da Verdade

Nota: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

 

 

Beijinhos e até a próxima!

 

Tentação Sem Limites
18.08.2015

TENTAÇÃOSEM LIMITES

Oi menines!

Na última resenha eu falei sobre Paixão Sem Limites e hoje trago a sequencia para  vocês. Diferente do primeiro livro, Tentação Sem Limites traz capítulos intercalados entre Blaire e Rush, e como vocês sabem, eu amo a dimensão que os dois pontos de vista trazem para história.

Bem, depois de todas as tragédias que já se passaram na vida da Blaire, ela agora precisa lidar com um novo obstaculo. Ela tem certeza sobre seu amor por Rush, mas não sabe se vai ser capaz de perdoá-lo por esconder um segredo que era tão importante para ela.

Uma vez você me disse que, se eu prestasse bastante atenção, encontraria a resposta no meu coração.

Rush se mostra arrependido, mas não sabe mais o que fazer para provar isso para Blaire. Até que uma reviravolta acontece e Blaire se vê forçada  a voltar para Rosemary Beach e enfrentar tudo e todos para ficar ao lado do bad boy.

TENTAÇÃOSEM LIMITES (1)

A escrita da Abbi ainda não me conquistou, mas me atiçou para querer terminar essa história. Descobrimos um pouco mais sobre a relação do Rush e de sua meia irmã Nan e se ela não fosse tão megera, talvez eu tivesse entendido, mas eu acho a situação toda tão absurda e infantil que não tenho nem vontade de aprofundar.

Chorei por ele, porque ele não era forte o suficiente. E chorei por mim, porque estava na hora.

Esse livro foi bastante necessário, pois clareou um pouco a situação caótica que foi o primeiro… Gostei de conhecer um pouquinho mais do Rush, mas queria que a Blaire parasse de ser boazinha.

Quero ler o desfecho da história só porque comecei mesmo hehehe não estou lá muito animada.

E vocês, já leram? Curtiram? Fala comigo aqui nos comentários!

Beijinhos e até a próxima!

Paixão sem Limites
03.08.2015

PAIXÃO SEM LIMITES

Fala galera!

Paixão Sem Limites é o primeiro livro da série Rosemary Beach (não sei ao certo quantos livros a série possui, mas no Brasil já foram lançados seis e outros dois já foram confirmados) e também o primeiro da sub série Sem Limites (com quatro volumes). Quem me apresentou ao Rush e a Blaire foi a best Nathalia <3

Ele podia ter tudo o que quisesse. Menos ela.

Blaire é uma loirinha delicada e corajosa do Alabama. Aos 19 anos ela acaba de passar pelos piores anos da sua vida. Depois da morte da mãe, ela se vê sozinha no mundo e sem nenhum tostão, a única pessoa com quem ela ainda acha que pode contar é o pai que a abandonou há alguns anos.

Infelizmente, Blaire não tem outra saída a não ser procurá-lo, mas quando chega em Rosemary e se depara com uma mansão à beira-mar diferente de tudo o que já tinha visto, ela imediatamente sabe que aquela foi uma péssima ideia.

 

Paixão Sem Limites

Rush Finlay, filho de um roqueiro famoso é lindo, rico, charmoso e irmão postiço de Blaire – já que sua mãe se casou com o pai dela. Rush é extremamente sexy e galinha, Blaire precisa engolir as garotas que desfilam só de lingerie pela casa e a arrogância dele, caso queira ter um lugar para ficar, até seu pai resolver voltar de uma viagem que fez até Paris.

Eu nunca fui de prometer nada. O que eu sabia sobre promessas era que elas se quebravam com facilidade.

Mas morar sob o mesmo teto vai acabar deixando os dois sem saída, a não ser a se entregar a essa Paixão Sem Limites e avassaladora. E quando o segredo que Rush guarda vier a tona, suas vidas podem mudar para sempre.

 

Paixão Sem Limites

Esse foi o primeiro livro que li da Abbi Glines e a única certeza que eu tenho é que a escrita dela não me agrada, porém me cativa. A história é boa, mas poderia ser trabalhada melhor.

Fiquei um pouco confusa em relação a linha do tempo e achei algumas descrições bem vulgares. O Rush é um personagem sexy e cativante, mas me sufocou na maior parte da história, quanto a Blaire fiquei sem saber o que esperar dela e isso me deixou bastante aflita.

Adorei os personagens secundários, principalmente o Grant <3 e a vilã desempenhou bem seu papel, fazendo-me odiá-la desde o primeiro momento. Nan é mimada e in-su-por-tá-vel, não sei quem é pior, ela ou todo mundo defendendo a criatura.

Eu dei tês estrelinhas. Se você não curte palavrões ou palavrinhas quentes é melhor não se arriscar, mas se é fã do gênero, mergulhe de cabeça.


Paixao sem limites_Capa WEB

 

 

Título: Paixão Sem Limites 

Título Original: Fallen Too Far

Número de Páginas: 192

Editora: Arqueiro

Série: Rosemary Beach / Sem Limites

Continua com: Tentação Sem Limites

Nota: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ 

 

 

Beijinhos e até a próxima!

 

Playboy Irresistível
02.07.2015

resenha

Oi gentche! Preparem-se, pois hoje vou falar sobre o Dr. Will Sumner – um playboy irresistível – meu personagem favorito <3 e consequentemente meu crush imaginário (desculpa, amor! :/ )

 

Nós fizemos amor até o sol se pôr lá fora, e depois dormimos, acordamos no meio da noite famintos por mais. E então foi selvagem, intenso e exatamente como sempre foi quando tudo ia bem entre nós: foi honesto.

 

PLAYBOY_IRRESISTIVEL_1382745901P 

 

 Título: Playboy Irresistível (Beautiful Player)

Sequência de: Paixão Irresistível

Continua com: Noiva Irresistível

Escritora: Christina Lauren <3

Número de Páginas: 355

Editora: Universo dos Livros

Minha nota:  ♥ ♥ ♥ ♥ ♥♥ ♥ ♥ ♥ ♥  ) – porque merece!

 

 

Eu já devo ter lido esse livo 300 vezes e tenho certeza de que lerei mais 300, o bichinho já tá cheio de marcadores, li em inglês e em português só para não ficar na dúvida de que sim, ele é perfeito.

 

Will lambia os lábios quando observava as garotas e fazia comentários discretos e conhecedores sobre peitos, pernas e línguas.

 

O Will é o melhor amigo do Max <3 e isso já seria o suficiente, mas ele também é tatuado e cientista e tem um sorriso maravilho, além de barba por fazer e ter um corpo super malhado, uma vez que ele corre 10 km todas as manhãs (suspiro)… Ele estava ótimo, tendo duas amantes fixas e sendo totalmente honesto sobre isso…

Untitled design (3)

A Hanna é uma nerd workaholic que não faz ideia do que é ter uma vida social. Inteligente e desbocada ela é obrigada pelo o irmão a ir viver um pouco mais da vida e é ai que eles tem a brilhante ideia de procurar o Will – o playboy de Wall Street que estudou na faculdade com seu irmão e trabalhou com  o pai dela durante um verão.

 

Ela era boba, confiante e com uma personalidade tão cativante que quase fazia o resto do mundo parecer preto e branco.

 

O Will era a paixão platônica de Hanna na adolescência quando ele sequer tinha reparado nela. Eles se encontram, começam a correr juntos e quando menos esperam estão completamente envolvidos um pelo outro, mesmo quando só deveriam estar explorando mais a juventude da moça…

Untitled design (4)

 

Nas primeiras vezes que li, eu fiquei impressionada como eu me comunicava muito bem com o Will… Era incrível, por isso sempre negligenciei um pouco a Hanna… Mas nessa ultima leitura eu me peguei prestando mais atenção nela e vendo que ela também é maravilhosa e sério, comecei me inspirar nela que sempre aparece confortável em sua própria pele e falando tudo o que vem pela frente.

 

Hanna se sentia tão confortável sendo ela mesma, tão confortavel sendo observada -nunca conheci uma mulher como ela.

 

Para minha alegria, Christina Lauren escreveram umas ceninhas aleatórias e postaram no site delas e… TCHARAM!!! ELAS ANUNCIARAM UMA NOVELINHA MARA que vai se chamar Beautiful Boss e eu já estou roendo as unhas:

“My boobs look enormous in my wedding dress.” 

I groaned, throwing an arm over my face. “Hanna. Are you trying to kill me?” 

Meus peitos parecem enormes no meu vestido de casamento.

Eu gemi, cobrindo meu rosto com o braço. Hanna. Você está tentando me matar?

Untitled design (5)

 

Aqui estão os links para as cenas aleatórias que estão em inglês, mas como estou me sentindo super generosa, é só vocês me pedirem que eu posto a tradução aqui no blog:

O que aconteceu depois do jantar de ensaio de Chloe e Bennett -> aqui.

Como o Jesse descobriu -> aqui.

Decidindo onde iam morar -> aqui.

Estou super feliz em ter conseguido fazer essa reenha, espero que tenha feito ter conseguido passar pelo menos um pouquinho do meu amor por ele pra vocês!

Beijos e até a próxima!

Cretina Irresistível
15.06.2015

antesdascinco.com

Oi gente! Deu saudade ou não deu? Pois é… A causa é boa: vim visitar mainha! Ai na correria da viagem eu acabei não tendo muito tempo essa semana, mas cá estou trazendo uma dica super legal para quem está atrás de uma leitura rápida. Eu resenhei Cretino Irresistível (<3) aqui e agora vamos para o próximo livro da série.

 

“Nunca se apaixone por alguém que coloque você em primeiro lugar. Encontre alguém que seja tão destemida e energética quanto você. Encontre uma mulher que faça você querer ser uma pessoa melhor. ”

 

CRETINA_IRRESISTIVEL_1381934648B

 

Título: Cretina Irresistível  (Beautiful Bitch)

Sequencia de: Cretino Irresistível

 Continua com: Estranho Irresistível

 Escritora: Christina Lauren

 Número de páginas: 119

 Gênero: Erótico / Romance

 Editora: Universo dos Livros

 Minha Nota: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

 

 

Definitivamente nosso Cretino seguiu o conselho da mãe (no quote acima) e encontrou essa mulher: Chloe Mills – uma Cretina Irresistível. Mas nem tudo é tão bom quanto poderia ser…

antesdascinco.com (1)

Minha vida resumida: finalmente conquistar a garota; nunca conseguir ficar com ela de verdade.

De todos os títulos da série, essa é a tradução que eu menos gostei. O original é Beautiful Bitch, mas depois fui parar para pensar e vi que se colocassem o título original ficaria meio… ofensivo.

É um livro curto, dá pra ler em poucas horas e segue o mesmo estilo do primeiro livro da série: capítulos intercalados entre Bennett e Chloe.

Não é que Chloe não fosse expressiva; ela era sim. Quando ficávamos sozinhos, ela era – fisicamente –  a mulher mais expressiva que eu já conheci. Mas embora eu frequentemente expressasse meus sentimentos, eu podia contar nos dedos as vezes que ela pronunciou as palavras “eu te amo”. Eu não precisava que ela falasse mais; porém, a cada vez que ela dizia, isso me afetava de um jeito mais profundo do que eu esperava.

O Cretino está namorando há um ano com a Chloe, achei que essa novela mostra bastante o lado sentimental do Bennett. É muito fofo ver a necessidade dele por ela… Mas por outro lado, acho que descaracterizou um pouco o personagem. Senti falta do Bennett bruto, achei que ele baixou bastante a guarda e ficou todo meloso.

antesdascinco.com (2)

 

O fato é que os dois estão muito ocupados com o trabalho e sem tempo um para o outro. Bennett inventa uma viagem para finalmente se curtirem, surgem complicações aqui e ali e enquanto isso vemos flashbacks do que aconteceu logo depois da formatura da Chloe – que foi o ponto final do primeiro livro.

A parte mais estranha era que a casa que me custara uma fortuna nunca parecera um lar até ela começar a passar um tempo por lá.

Há poucas falas da Chloe, não fez muita falta, mas pelo o livro ser dela sinto que poderia ter sido explorado um pouco melhor. É uma ótima desculpa para respirar do furor que foi Cretino Irresistível e uma ótima preparação para esperar por Estranho Irresistível.

Untitled design

A nota três não significa que eu não tenha gostado, apenas que eu achei desnecessário fazer um livro a parte ao invés de incluir essas cenas no final do primeiro.

Fica a dica de uma leitura rápida, esperta e super caliente.

Beijos e até a próxima!

@lumanunesblog